03 dezembro 2014





passam as horas
o tempo parece não passar
quero mudar o contexto dos dias
resisto dia após dia a este amor
um anjo bom flutua em mim
invade-me os meus castelos
fazendo-me sonhar
meus olhos anseiam os teus
preciso do cheiro do teu respirar
do perfume frenético de nossos corpos suados 
passam as horas
vem depressa amor
preciso amar-te com urgência
viola-me os sentidos de ti
desnuda-me assim
desse jeito só teu
reaviva-me na memoria o teu sentir
o teu toque, o teu amar
reaviva-me em nós
aniquila-me o corpo
faz-me tua
faz-te sentir em mim...

9 comentários:

Legionário disse...

A língua não mente o que o coração sente...:)

Vênus disse...

Lindo e delicioso isso:

(...)viola-me os sentidos de ti
desnuda-me assim(...)

Beijos.
@}-,--

Anginha Sexy disse...

Um poema bem lindo e sedutor. Amei

Visita-me vai.

Sussurros
http://anginhasexy.blogspot.pt/

Water disse...

hoje sou um gaijo satisfeito!!!

beijos sussurrados

Casaert disse...

belas palavras, sentimento profundo esse!

Bj

Karla .. disse...

Linda ..
Ly ..

GANDALF disse...

Belas palavras..que apareçam as acções :)

Beijo AMIGA

mghorta disse...

Palavras para quê? Escrita sentida por quem tem gosto e sabe estar no seu melhor, sussurando...

Hot Spot disse...

Perfeito!

Beijoss