29 outubro 2014


renuncio-me a mim mesma
livre
assim nua de tudo
esconde-me 
entra em mim por nós
dá-me vida
neste presente urgente 
ainda sou a mesma
vestida de medos
despida de desejos
dança comigo
a dança dos corpos
dos, nossos corpos
fecho os olhos e vou-me deixando levar
até onde o amor for capaz

9 comentários:

Anónimo disse...

Vamos entao dançar
beijo bebe

Legionário disse...

Deixar o corpo entender-se com o outro corpo.:)

Imprópriaparaconsumo disse...

Renunciar é ser livre, às vezes :)
beijos

Nádia Santos disse...

Dança deliciosa.... Bjussss

Lovely Couple disse...

Danças de prazer que nos levam ao céu ! Beijos sensuais :)

GANDALF disse...

Despe-te de medos,veste-te de desejos e prazeres ;))))

Beijo grande linda

Orlando N. disse...

...e se a entrega é dar, aceitar não é só receber, Ly ;)

Beijos, loud & clear

PEQUENOS DELITOS RENOVADOS disse...

Concordo.... a renúncia é um gesto de liberdade.... e a entrega é seu complemento.

Desamarrado disse...

Dar e receber. Sempre.