03 março 2012


arremesso-te o corpo
num balanço destemido
urges em mim teus sentires
os seios mordes num gozo
suaves as dentadas sentidas
as mãos essas perderam-se
no labirinto do corpo
onde teus dedos abocanho
onde teu sexo entra em mim
onde caímos de tesão...

3 comentários:

Prazeres do Norte disse...

Puro devaneio de tesao...
Tava com saudades dos teus sussuros

Beijos com Prazer

Nanda Assis disse...

uau!!!

bjos...

GANDALF disse...

Sempre magicas e cheias de desejo as tuas palavras.

beijos magicos