16 junho 2016

 
aprofunda-se os nossos sentires,
a luta das mãos,
pela noite dentro vamos brincando,
tu que sabes do que preciso,
vontades,
desejos,
sonhos,
delírios,
já não me basta o teu toque,
já não me bastas na distancia de dias,
bastava-me o teu respirar,
e,
seria tua eternamente,
nesta eternidade da vida que se escassa...
 

10 comentários:

Maria dos Anjos disse...

Maravilhoso poema e imagem

Beijoos
Anjinha Sexy

Visitem = Prazeres e Carinhos Sexuais

madagascar2013 disse...

Respiro...deixo-me levar...acreditando, no possível...apenas
^.~

WOLF disse...

Quando se sabe o que precisas,tudo vale a pena ;)

Beijo grande linda

DARK disse...

Com estes deliciosos versos deixo-te um leve sussurrar.
Abçs^.~

1ManView disse...

Um poema muito romântico ...

paz e amor
1ManView

madagascar2013 disse...

é delicioso quando chegamos a tal cumplicidade..."tu que sabes do que preciso"
^.~

loveyouzizi disse...

E começar nos ombros e descer lentamente...

Ulisses Reis ® disse...

Gostei muito do teu Blog que coloquei do lado direto do meu um banner linkado no teu, espero que venha me visitar , beijos e continue com os poemas PARABENS !!!

Almeida Lucius disse...

Mas uma vz venho aqui agora com outro Blog meu esse de poesias eroticamente mais quentes e explicitas, espero que goste e venha ler comentar, e depois prometo poetizar em cima dos teus maravilhosos e deliciosos poemas, uma linda noite, beijos

Almeida Lucius disse...

Ja coloquei teu blog na lateral direita do meu, beijos !!!